gallery wordpress plugin

Feb 1, 2017 | Curiosidades, Últimas

Kayashima é o nome da estação cujo “teto” foi imaginado para não incomodar a árvore de 700 anos que lhe serve de centro.

Este enorme canforeiro é anterior à altura em que se faziam registo oficiais, mas os especialistas crêem que deve ter cerca de 700 anos. A estação de Kayashima nasceu em 1910, sendo que, na altura, a árvore da cânfora estava localizada ao lado da estrutura de comboios, e manteve-se inalterada ao longo de muitas décadas. Mas o aumento da população precipitou planos de expansão que obrigaram ao aumento da estação, aprovados para avançar em 1972. A árvore teria de ser cortada.

O canforeiro estava, no entanto, ligado à superstição local e, quando a notícia sobre o seu corte se espalhou, os protestos também surgiram, clamando que a árvore se zangaria e colocaria maldições a quem quer que lhe tentasse fazer mal. Não tardaram a surgir casos de febres altas e demais intempéries a quem quer que arrancasse um ramo ou algo do género à divina espécie, por isso, a empresa de transportes concordou em manter a árvore e incorporá-la num novo projeto para a expansão – que começou a materializar-se em 1973 e ficou terminado em 1980.

Hoje, a árvore continua a servir de foco à estação japonesa.