gallery wordpress plugin

Jan 20, 2017 | Bon Vivant, Motores

Sempre presente no alinhamento da Ford desde 1965, o Mustang é uma espécie de cartão de visita da marca norteamericana, um poster car do imaginário da América, no que aos carros “durões” diz respeito.

O modelo, uma versão para 2018, incrementa o seu fator estético ameaçador, com mudanças ao nível da silhueta, tanto exterior como interior. A alteração que salta primeiro à vista é a grelha e dianteira maiores, com faróis mais pontiagudos e um capot mais curvado, conferindo ao carro um aspeto mais desportivo. Na traseira, o pára-choques foi remodelado e as luzes têm novos detalhes.

No esqueleto, a marca introduziu uma suspensão MagneRide, bem como um novo motor: um V8 5l que diz tem mais potência que nunca, ainda que não tenham sido divulgados cavalos ou torque. Os clientes poderão ainda optar por uma versão mais eco-consciente: um EcoBoost 2.3l de 4 cilindros.

Por dentro, vai maravilhar-se com o display digital dos instrumentos, totalmente customizável, com o seu ecrã de 12,3 polegadas. Segundo a Ford, o Mustang americano terá 3 novas opções de cores e 12 tipos de rodas.

Apesar de ser um lançamento datado para o próximo ano, a Ford planeia ter o carro a circular a partir do outono, setembro mais precisamente, nos Estados Unidos. O que não quer dizer que não veja um por Terras do Tio Sam mais cedo: a marca automóvel galardoou uma militar veterana com um exemplar – e o ator The Rock ajudou a concretizar a iniciativa que pode conferir neste vídeo.

Mais sobre o novo Mustang na curta abaixo: