O catamarã Energy Observer vai dar a volta ao mundo nos próximos seis anos apenas movido por estas energias verdes.

Ao leme, irão os franceses Jerome DelafosseVictorien Erussard, que tentarão circunavegar a Terra neste veículo apenas alimentado pelo sol, o vento e hidrogénio.  O barco era anteriormente um exemplar de regatas que foi entretanto convertido num navio com zero emissões, graças aos seus painéis solares, turbinas de vento e sistema de hidrogénio.

A desafiar os limites humanos e tecnológicos, estará a tripulação deste navio eco-consciente, que passará os próximos seis anos numa odisseia em torno do globo, em busca de soluções inovadoras para salvar/preservar o meio-ambiente. A agenda da equipa nesse espaço de tempo prevê visitar 50 países e fazer 101 paragens para provar que um mundo “mais limpo” e menos poluído é possível.

O Energy Observer foi construído por uma equipa de arquitetos, engenheiros e navegadores, com o objetivo de conseguir uma autonomia a partir de energias naturais e a produção, sem recurso a carbono, de hidrogénio retirado da água do mar. A equipa acredita que o maior desafio no século XXI é produzir energia a baixo custo e livre de carbono, sendo que esta pesquisa é fulcral para o projeto “Energy Observer”, que quer mostrar que este novo modelo energético funciona – tornando-se assim um exemplo mundial.

Mais sobre a iniciativa, aqui.